Mais 150 empregos para Cachoeira do Sul: Zé Otávio recebe presidente da Beira Rio

Por 19 de maio de 2022

Crédito: Patricia Miranda

O prefeito José Otávio Germano recebeu em sua casa nesta quinta-feira, o presidente da Calçados Beiro Rio, Roberto Argenta, que veio a Cachoeira do Sul a convite do chefe do Executivo e da Secretária de Indústria e Comércio, Vanessa Csaszar, para visitar a Atelier de Calçados Cachoeira, sistemista da Beira Rio inaugurada oficialmente neste dia.

No encontro, Argenta frisou a importância da geração de empregos nas cidades do interior do estado, evitando a migração das famílias para os grandes centros. “O emprego garante dignidade e autoestima. O emprego garante o presente e a educação garante o futuro. É nisso que acreditamos”, disse o empresário.

Argenta enfatizou no encontro que sempre teve excelentes referências com relação à qualificação dos cachoeirenses. Perguntado pelo prefeito sobre o quanto a Beira Rio poderia investir mais na cidade, ele destacou que planeja em breve ter, pelo menos, mais 150 novos postos de trabalho na cidade, notícia que foi comemorada pelo prefeito, secretários municipais, empresários e representantes de entidades comerciais que participaram da recepção ao presidente da Beira Rio.

José Otávio, que é amigo de Argenta há anos, quando foram juntos colegas na Câmara dos Deputados, ressaltou que o empresário foi um homem à frente de seu tempo e por isso tem um grande legado ao seu lado. “Não preciso nem citar as qualidades empresariais dele, que tem a melhor empresa de calçados do Brasil. Mas além disso, ele é um homem com qualidades morais, humanas e intelectuais. Possui uma visão estratégica e sabe que pode investir em nossa cidade. Estaremos sempre de portas abertas e prontos para recebê-los”, destacou José Otávio.

Atelier de Calçados Cachoeira inaugura e já projeta do crescimento

A Atelier de Calçados Cachoeira, sistemista da Beira Rio que foi oficialmente inaugurada nesta quinta, já projeta crescimento. Com 50 pessoas trabalhando, em breve já projeta abrir nova linha de produção que necessitará de 54 novos trabalhadores. Mas eles não param por aí. Durante a inauguração, o diretor industrial João Henrich já passou ao proprietário do Atelier, Loivo da Motta, a intenção da Beira Rio em garantir mais 150 vagas de emprego na cidade. Prontamente Loivo demonstrou interesse em ser o responsável pela nova sistemista, oferecendo o serviço de montagem de calçados. A Atelier de Calçados Cachoeira trabalha com costura. “Estamos em um ritmo de crescimento que, se possível, podemos já ter esta nova sistemista ainda neste ano”, garantiu Henrich.

Com a costura de 800 pares de tênis por dia. o atelier trabalha com um dos tipos de tênis da marca Moleca. Somente deste tipo de tênis, são vendidos em média 2 mil pares por dia e sua montagem é feita na Beira Rio em Candelária. A Beira Rio possui cerca de 400 sistemistas, que fazem as etapas iniciais de produção das peças, que logo depois são revisadas, finalizadas e embaladas em uma das 11 fábricas, todas elas no Rio Grande do Sul. “Nós só temos que ficar orgulhosos e felizes de receber uma sistemista da Beira Rio em nossa cidade, o que certamente vai incentivar o progresso e o desenvolvido de Cachoeira”, observou a vice-prefeita, Angela Schuh.

Smic garante que será parceira dos novos empreendimentos

A secretária de Indústria e Comércio de Cachoeira do Sul, Vanessa Vieira da Cunha, garante que o Executivo estará encarregado de prestar todo o auxílio necessário para que novos empreendimentos da Beira Rio encontrem as condições que necessitam para se instalarem no município, gerando novos empregos. Exemplo disso é a Atelier de Calçados Cachoeira, apoiada pelo Município através da Lei Prodic com isenção do aluguel e IPTU por dois anos.


“Temos a missão dada pelo prefeito José Otávio Germano de ir em busca de oportunidades de trabalho para os cachoeirenses. A atração de indústrias é fundamental para isso. Estaremos juntos da Calçados Beira Rio e suas sistemistas para oferecer todo o apoio necessário” – secretária de Indústria e Comércio de Cachoeira do Sul, Vanessa Vieira da Cunha