Mãe de Clóvis morre horas depois dele

Por 14 de junho de 2022

Crédito: OC/Arte/Reprodução

Erna Mello Gama Vieira, 88 anos, faleceu horas depois de seu filho, o coordenador da 5ª Região Tradicionalista, Luiz Clóvis Veira, nesta terça-feira. Moradora de uma casa de repouso em Rio Pardo, Erna perdeu o filho e depois morreu, por volta das 17h30 do mesmo dia de luto para o tradicionalismo no Estado. Conforme pessoas próximas, ela faleceu sem saber da morte de Luiz.

Segundo familiares, Luiz Clóvis dizia que não iria “suportar” perder sua mãe e queria falecer antes dela. “Não pensei que Deus fosse atender teu pedido tão rápido… Sempre me disse que não ia suportar perder nossa mãe e pedia que Deus te levasse antes… Mas não sabia que iria te atender”, postou uma irmã, filha de Erna.

O velório de mãe e filho será junto. Os atos fúnebres de Luiz Clóvis Vieira serão nesta quarta-feira, das 9 horas às 15 horas. Já o cortejo fúnebre será acompanhado por cavaleiros, com saída a partir das 8 horas, na frente da Funerária Halmenschlager, em Santa Cruz do Sul, em direção ao CTG Rincão da Alegria. Às 15 horas ocorrerá a cerimônia de cremação em Caxias do Sul.

Já os serviços fúnebres de Erna estão a cargo da Funerária Martin.