27.1 C
Cachoeira do Sul
quinta-feira, 26 novembro, 2020 - 13:09
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

José Otávio Germano lembra do pai na reta final da campanha

Uma peça na campanha eleitoral de José Otávio Germano vem chamando atenção do eleitor cachoeirense. O destaque do vídeo veiculado é seu pai. Segundo o candidato, Otávio Germano ensinou “orgulho” e a seguir um “caminho reto em favor da defesa” e “do interesse daqueles que necessitam do poder público”.

Confira:

Quem foi Otávio Germano?

Filho de Taufik Germano, imigrante sírio-libanês, formou-se advogado na Faculdade de Direito de Porto Alegre. Começou sua carreira política em Porto Alegre, no PSD, elegendo-se vereador em 1954. Foi reeleito em 1955 e escolhido líder da oposição ao prefeito Leonel Brizola.

Também foi candidato na eleição para deputado estadual, em 1958, concorrendo novamente a vereador e reeleito em 1959. Em nova eleição para deputado, ficou na terceira suplência, em 1962, assumindo pouco depois foi escolhido líder do governo Ildo Meneghetti, na Assembléia Legislativa.

Em 1966, foi reeleito deputado e assumiu a presidência da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, reeleito novamente em 1970, pela Arena, assumiu a Secretaria do Interior e da Justiça do Estado.

Foi vice-governador do Rio Grande do Sul, durante o governo de José Augusto Amaral de Souza, de 15 de março de 1979 a 15 de março de 1983, também presidente estadual do partido. Eleito deputado federal em 1982, pelo PDS, em 1986 concorreu para a reeleição, ficando na terceira suplência – foi seu último pleito eleitoral.

Otávio Germano morreu na manhã de 29 de março de 2015 em decorrência de uma parada cardiorrespiratória. Ele estava em coma, internado na Santa Casa de Misericórdia, em Porto Alegre, desde 10 de janeiro, quando sofreu uma hemorragia durante um procedimento médico. Tinha 91 anos.

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região