Protesto contra Bolsonaro: BM retira cruzes de trevo

Por 20 de junho de 2021

Trevo após retirada das cruzes / Crédito: Reprodução

O vereador Felipe Faller (PSL) publicou um agradecimento para a Brigada Militar pela retirar das cruzes colocadas no trevo do Comercial neste sábado. O ato integrou as manifestações contra o presidente Jair Bolsonaro e lembrava as vítimas da Covid. Mais de 500 mil vidas foram perdidas na pandemia por complicações com a doença, segundo dados também divulgados neste sábado. “Problema Resolvido! Agradeço a Brigada Militar por fazer a limpeza do local e proteção do patrimônio público. Respeitem nossa cidade”, enfatizou o vereador nas suas redes sociais. “Não concordo com o protesto. Foi um ato político. Falta de respeito com as vítimas. Havia bandeira do PT e militantes sorrindo nas cruzes”, destacou Faller. “Quando fui ao local para averiguar a situação e talvez tomar alguma atitude, as cruzes já haviam sido retiradas”, completou.

May be an image of outdoors and monument

Manifestantes espalharam cruzes no local em homenagem para as vítimas da Covid / Crédito: Reprodução

Na página oficial do PT de Cachoeira do Sul, o ato estava registrado ao lado de uma mensagem. “Estamos de luto! O país chega na marca de 500 mil mortes pelo vírus e pela incompetência do governos genocida de Bolsonaro. Cachoeira amanheceu assim, com homenagens às vítimas da Covid-19!”, salientava o texto.

A presidente do PT de Cachoeira do Sul, Cristina Mór, questionou as reações contrárias ao protesto com uso das cruzes. “Por que as cruzes incomodaram tanto?”, lançou a pergunta, após a repercussão do ato. Na sequência, Cristina postou uma imagem com frases inscritas em bolachas. “Pausa para um cafezinho… Chega de política!”, ironizou a presidente da sigla. “Achei arbitrário. O ato marcou o início de uma virada!”, enfatizou.

May be an image of food and indoor

Crédito: Reprodução

A mobilização contra Bolsonaro foi o segundo protesto contra o presidente e sua gestão da pandemia, e ocorreu em todos os estados e no Distrito Federal. O primeiro foi realizado no dia 29 de maio em 180 cidades do país e do exterior.