Prédio da UAB: valor alto motiva prefeito a rescindir contrato de aluguel

Por 19 de novembro de 2021

Crédito: UAB

O prefeito José Otávio Germano assinou na manhã desta sexta-feira a rescisão do contrato de locação do prédio do polo da Universidade Aberto do Brasil/Cachoeira do Sul, que fica na curva da Rua Júlio de Castilhos. O motivo foi o alto valor do aluguel mensal, que chega a R$ 20 mil.

José Otávio explica que, atualmente, a UAB está sem aulas presenciais e mesmo assim a Prefeitura segue pagando mensalmente este valor, que deixa um gasto de R$ 240 mil anuais para a Prefeitura. Além disso, o prefeito se surpreendeu com o fato da UAB estar ligada com a Secretaria de Indústria e Comércio e não com a Secretaria Municipal de Educação, já que é um polo educacional. “Estamos pagando aluguel de um prédio sem alunos presenciais. Além disso, a grande maioria dos matriculados é de fora de Cachoeira do Sul. Tem alunos até do norte do país matriculados, participando das aulas de forma online. Vivemos um momento na Prefeitura em que cada centavo é muito importante. Estamos atentos a todos os gastos que podem ser minimizados”, destacou José Otávio, frisando que a partir de agora o assunto será tratado pela Secretaria Municipal de Educação.