19.6 C
Cachoeira do Sul
segunda-feira, 30 novembro, 2020 - 04:20
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • POLÍCIA
  • Polícia de Cachoeira prende um dos principais chefes de facção do RS

Polícia de Cachoeira prende um dos principais chefes de facção do RS

Alexandre de Oliveira, o Nirinho, é considerado um dos principais chefes do RS e possui ligação com Cachoeira / Foto: Arquivo

Agentes da Polícia Civil de Cachoeira do Sul tomaram a frente de uma ação policial que resultou na prisão, no Vale do Sinos, do chefe de uma das principais facções criminosas que atuam no tráfico de drogas no Rio Grande do Sul, na manhã desta sexta-feira (13). Alexandre de Oliveira, o Nirinho, 36 anos, foi capturado num sítio em Nova Hartz no âmbito da Operação Regresso. Uma pessoa que estava junto com ele, que não teve a identidade revelada, também foi presa.

A equipe do delegado Rodrigo Marquardt da Silveira, da 1ª DP de Cachoeira, já vinha monitorando os passos de Nirinho quando, nesta semana, uma ação da Brigada Militar recolheu quase R$ 42 mil com uma passageira de um veículo de transporte por aplicativo no Bairro Rio Branco. O dinheiro, que estava acondicionado numa mochila infantil, teria ligação com arrecadadores de Nirinho.

A ação desta sexta-feira reuniu 28 agentes de delegacias de Cachoeira do Sul, Canoas, Gravataí, São Leopoldo e Sapiranga. Na ação, a Polícia Civil apreendeu duas pistolas nove milímetros, documentos falsos, coletes à prova de balas, telefones celulares e dois carros de luxo. Nirinho estava foragido desde setembro e foi recolhido a um presídio gaúcho.

FORTE ATUAÇÃO EM CACHOEIRA

O preso Alexandre de Oliveira, o Nirinho, possui passagens pela Polícia por quatro homicídios, tráfico, assaltos, organização criminosa, porte ilegal de arma e estupro. Em 2007, participou de uma ação de quadrilha num assalto à loja Obino, onde hoje é a Americanas, na Rua Júlio de Castilhos. Enquanto três comparsas aguardavam num Ford Del Rey do lado de fora, próximo à Praça Honorato, Nirinho invadiu a loja e levou mais de R$ 20 mil. O bando foi preso em flagrante no Quilômetro Zero tentando fugir no Del Rey para Rio Pardo.

Anos depois, Nirinho foi apontado como o autor de um assalto a uma lotérica também em Cachoeira, de onde levou quantia significativa em dinheiro.

Foto: Divulgação Polícia Civil
Dinheiro apreendido nesta semana em Cachoeira do Sul / Foto: Divulgação BM
Foto: Divulgação BM
Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região