20.2 C
Cachoeira do Sul
segunda-feira, 18 janeiro, 2021 - 10:08
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

Nova ponte do Amorim deve ser concluída em quatro meses

 

 

Nova ponte é uma reivindicação antiga da comunidade do Alto do Amorim. Fotos: Cacau Moraes

A construção de uma nova ponte sobre o Arroio Amorim, na Rua Conde de Porto Alegre, na zona leste de Cachoeira do Sul, completa uma semana e altera o trânsito na região. A obra, que custará R$ 510.963,89, recurso oriundo do Ministério do Turismo, destinados pelo ex-deputado federal José Otávio Germano, está na fase da fundação da base. A empresa Ledur, de Palmeira das Missões, vencedora da licitação tem quatro meses para concluir o trabalho esperado há pelo menos dois anos pelos moradores dos cinco bairros que fazem parte do complexo do Alto do Amorim.

A nova ponte terá capacidade para 45 toneladas, podendo suportar o tráfego de caminhões pesados, comprimento de 20 metros, largura da pista de 7 metros e guarda corpo metálico com 1,20m de altura. Além disso, a ponte terá passeio para pedestre, nos dois lados, com 1,5m de largura.

MUDANÇA NO TRÂNSITO

O trânsito para a região do Alto do Amorim e para o centro da cidade tem alteração devido à obra.

Pedestres – Os pedestres podem acessar a pinguela no final da Rua General Osório, mas muitos ainda insistem em cruzar o Amorim, ao lado das obras da nova ponte.

Carros leves – Quem se desloca do centro para o bairro deve pegar a Rua Esperanto e ir até a Rua Ramiro Barcelos. Quem vai do bairro para o centro pode pegar a Rua Francisco Antônio de Amorim ou a Feliciano Fortes para chegar até a Ramiro Barcelos.

Veículos pesados – Devem desviar pela Rua Paul Harris, no Bairro Soares.

Ônibus – As três linhas da Transporte Nossa Senhora das Graças (TNSG), que atende a Volta da Charqueada e Alto do Amorim, utilizam a Rua Ramiro Barcelos.

ATENÇÃO

Os motoristas devem ter cuidado ao utilizarem a Rua Ramiro Barcelos, onde também existe uma ponte sobre o Arroio Amorim. A travessia não tem sinalização de capacidade e por ela só é permitida a passagem de um veículo por vez. A Prefeitura também não fez nenhuma inspeção técnica no local.

 

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região