17.5 C
Cachoeira do Sul
sábado, 17 abril, 2021 - 00:00
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

Média diária de casos aumenta 74% em dois meses

O Gabinete Especial de Assuntos Relacionados com a Covid-19 emitiu Nota Técnica nesta quarta-feira (3) encaminhada ao prefeito José Otávio Germano. O objetivo foi informar e assessorar para a tomada de decisões relativas ao enfrentamento contra a pandemia.

“Sabe-se que é preciso preservar as atividades econômicas e isto vem sendo realizado dentro do possível e dentro das normas editadas pelo Governo Estadual e Municipal, contudo, no momento em que há evidente e iminente prejuízo à saúde coletiva, com a possibilidade real de paralisação de atendimentos nas mais diversas áreas de saúde para priorização única e exclusiva da demanda COVID-19 e sabendo-se que, mesmo assim, não haverá suporte de profissionais, equipamento e local para atendimento de um número eventualmente excessivo de pacientes COVID-19, entendemos como imprescindível que se tomem medidas urgentes, para tentar evitar os prejuízos à vida e à saúde”

O documento é assinado por: Juliana Cruz Flores (Procuradora Municipal); Denise Carvalho Caspani (secretária municipal de Saúde interina; Simone Netto Mônego (chefe do Planejamento da Secretaria Municipal de Saúde); Fernanda Scarparo Boeck (Médica/Servidora Municipal ); Lucas Proença Dahlke (Infectologista/diretor técnico do HCB), Luciano Morschel (superintendente do HCB) e Telda Assis (vereadora).


LEIA TAMBÉM: Prefeitura decreta fechamento a partir de sexta (5)


Levantamento

Na manhã desta quarta-feira (3), os representantes do grupo estiveram reunidos na Prefeitura, juntamento com o superintendente do Hospital de Caridade e Beneficência (HCB), Luciano Morschel; a vereadora Telda Assis e a chefe do Planejamento da Secretaria Municipal de Saúde, Simone Netto Mônego. Em pauta, medidas de enfrentamento ao avanço da pandemia no Município.

Conforme informações e dados do acompanhamento do Governo do Estado, a Região 27 – com sede em Cachoeira do Sul – apresenta 100% de ocupação dos leitos de UTI, bem como a Macrorregião Vales – Cachoeira do Sul, Lajeado e Santa Cruz do Sul – registra 118% de ocupação de UTIs.

A Macrorregional Vales apresenta a maior taxa de ocupação de leitos do Estado. A transferência de pacientes entre regiões e macrorregiões está praticamente inviabilizada, no momento em que o Estado atinge cerca de 100% de ocupação em UTIs. Ou seja, a capacidade de atendimento hospitalar chegou ao esgotamento.

Da mesma forma, analisando os dados de Cachoeira do Sul, verifica-se que o número de casos novos
confirmados para Covid-19 passou de uma média diária de 27 (dezembro de 2020) para 47 casos (últimos
sete dias). Os atendimentos no Centro de Triagem da UPA 24 horas passaram de uma média diária de 49
pacientes em dezembro para 100 pacientes/dia, nos últimos sete dias.

A ocupação dos leitos UTI do Hospital de Caridade e Beneficência tem se mantido entre 100% e 110% nos últimos dias, funcionando em alguns momentos com leitos extraordinários.

Caso haja necessidade de ampliação dos leitos extraordinários, haverá suspensão de cirurgias eletivas nas áreas de oncologia, traumatologia e neurologia, por exemplo.

Na última avaliação semanal realizada pelo Governo do Estado, constavam que os registros de hospitalizações confirmadas para Covid-19 registradas nos últimos sete dias teve um aumento de 403.6%, passando de 56 para 282 na macrorregião (somando as seis regiões Covid). Com relação à quantidade de pacientes internados com `Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), um aumento de 61.6%, passando de 73 para 118. No caso de leitos clínicos, o número de pacientes internados teve um aumento de 119.8%, passando de 96 para 211. E com relação aos internados por Covid-19 em leitos de UTI, houve um aumento de 77.2%, passando de 57 para 101.

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região