Liberação dos domingos traz alento ao comércio

Por 5 de agosto de 2021

 

Comércio aguarda maior flexibilização aos domingos. Foto: Cacau Moraes

A partir desta sexta-feira (6), o comércio em geral está liberado para funcionar com clientes presenciais  nos domingos em Cachoeira do Sul. Antes era até as 13h e depois deste horário só por tele-entrega. Agora pode até as 23h. A medida está estabelecida em decreto da Prefeitura – o de número 73 – e atende uma reivindicação do setor de alimentos como restaurantes, pizzarias, lancherias e similares e mercados.

É reforçado que as atividades nos domingos passam a seguir as mesmas regras dos dias da semana, no entanto, cada atividade deve observar suas regras. Não significa liberação geral, mas é um importante passo para aquecer a economia do setor alimentício e também de mercados localizados – principalmente – nos bairros. As redes deverão manter o horário aos domingos das 8h15min às 12h15min.

Com a restrição até então existente sobre o funcionamento do comércio nos domingos, o que se via era muito cachoeirense se deslocando para cidades próximas. A Prefeitura mantinha esta decisão devido ao quadro preocupante de casos de covid-19. Como nas últimas semanas, o quadro, inclusive, de internações no Hospital de Caridade e Beneficência (HCB) diminuiu, o governo resolveu flexibilizar. A flexibilização, porém, acontece mesmo num momento em que o governo do Estado emite um novo alerta para várias cidades, entre elas, Cachoeira do Sul.

ATENÇÃO

É importante ressaltar que a fiscalização não vai abrir a guarda aos domingos. Os setores envolvidos na flexibilização devem ficar atentos às determinações quanto aos protocolos sanitários. Vale lembrar que é preciso atenção quanto às aglomerações, por exemplo, que têm sido foco da fiscalização da Prefeitura.

OS EVENTOS

Com relação aos eventos está estabelecido o seguinte:

– em eventos sociais adultos ou infantis é permitida a presença de público de no máximo de 70 pessoas, em ambiente aberto ou fechado, observado o cálculo de limitação de ocupação de 1 pessoa a cada 8m², conforme área útil do local (se o resultado for superior a 70 pessoas, fica limitado a este teto).

– as escolinhas de esportes podem trabalhar com 12 alunos por professor e permissão da prática de esportes coletivos.