29.8 C
Cachoeira do Sul
sábado, 24 outubro, 2020 - 20:20
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • ELEIÇÕES 2020
  • José Otávio se diz estupefato com Ghignatti sobre o Faps: “Chega de terrorismo!”

José Otávio se diz estupefato com Ghignatti sobre o Faps: “Chega de terrorismo!”

José Otávio: “Declaração do prefeito é um balde de água fria na cabeça e no coração de todos os servidores públicos municipais de Cachoeira” / Foto: Ag. Câmara/Arquivo

O candidato à Prefeitura de Cachoeira do Sul José Otávio Germano se mostrou estupefato e indignado com o atual prefeito Sergio Ghignatti, que afirmou no debate promovido pela Rádio Fandango 102.5 FM e também à imprensa que o Fundo de Aposentadoria do Servidores Municipais (Faps) não tem solução e que tem de ser devolvido ao INSS.

Segundo ele, a declaração do prefeito “é um balde de água fria na cabeça e no coração de todos os servidores públicos municipais de Cachoeira.  Ele deprime, oprime, desampara e gera desconforto e medo à milhares de famílias de trabalhadores que durante uma vida inteira prestaram seus serviços à Prefeitura”.

José Otávio afirma que este sofrimento e desespero que abala ao funcionalismo municipal depois da desastrosa declaração do prefeito vai acabar.  “Vou ganhar a eleição e em Brasília, junto ao Ministério da Previdência, vou trazer os recursos necessários para que nós, junto com os funcionários, possamos cobrir o rombo do FAPS, deixado por maus administradores”, disparou o ex-deputado e candidato a prefeito.

“Com o funcionalismo, vamos construir um novo tempo, uma nova etapa para a existência e permanência de um Faps saudável e que ofereça condições de que todas as famílias dependentes dele estejam em segurança”, ratificou. “É preciso acabar de forma definitiva com o terror e as ameaças permanentes de extinção do FAPS que a administração atual faz para cima dos funcionários do município. Não permitirei mais sofrimento e incerteza àqueles que durante suas vidas inteiras se dedicaram a Cachoeira e que agora precisam ter este trabalho reconhecido”, ressaltou José Otávio.

Advertisement
Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região