15.9 C
Cachoeira do Sul
quarta-feira, 30 setembro, 2020 - 06:51
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

Horta do Presídio de Cachoeira do Sul fomenta o cooperativismo

Crédito: Seapen/Susepe divulgação

O trabalho de horticultura está presente em dezenas de unidades prisionais da Secretaria da Administração Penitenciária (Seapen) e da Susepe, representando ocupação produtiva para os apenados e uma fonte de alimentos saudáveis para instituições assistenciais.

Mais um bom exemplo, nesse sentido, pode ser observado no Presídio Estadual de Cachoeira do Sul, que está garantindo não só trabalho digno e produtivo aos presos, como também complemento nas refeições de servidores e apenados. Já o excedente do cultivado na horta beneficia comunidades carentes do Município.

O projeto faz parte de uma parceria da Susepe, que supervisiona as atividades, garantindo as ferramentas e o desenvolvimento dos trabalhos na horta, com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, que dá suporte técnico, e com a Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra), que possibilitou o projeto, aos disponibilizar as sementes.

Na horta orgânica, trabalham dois apenados do regime semiaberto. A ideia é ampliar o número de presos nas atividades. Por meio desse trabalho, uma rede de parcerias se forma em prol do desenvolvimento do cooperativismo e da solidariedade, uma vez que as hortaliças também serão distribuídas às comunidades carentes de Cachoeira do Sul.

Conforme a delegada penitenciária da 8ª Região (Vale do Rio Pardo), Samantha Longo, a iniciativa colabora para a capacitação e até mesmo para a redução de custos ao Estado. O secretário da Seapen, Cesar Faccioli, elogiou mais essa iniciativa. “Esse é exatamente o exemplo de parceria e função social da pena que queremos ver se multiplicando nas nossas unidades”, afirmou.

Advertisement