Haddad diz a empresários que PT não é de esquerda

Por 15 de outubro de 2021

No Brasil, quando se pensa em “esquerda”, que partido é lembrado? Pois é. PT. Mas diante de cerca de 20 empresários, o candidato derrotado Fernando Haddad afirmou que o PT não é um partido de esquerda, mas de “centro-esquerda”. O objetivo dera tranquilizar a elite empresarial se Lula vencer a eleição presidencial em 2022.

O petista ainda culpou o governo Dilma pelo fracasso econômico da era PT e minimizou a corrupção na Petrobras. Conforme Haddad, Lula não sabia.

A lista de presentes incluiu estavam Luis Henrique Guimarães, CEO da Raízen; Jan Jereissati, CEO da Ambev; José Olympio Pereira, presidente do Credit Suiss; Florian Bartunek, gestor do fundo Constellation; Ricardo Saad, da Band; e Washington Cinel, que representou a ala bolsonarista do empresariado.

Poste torto?