24 C
Cachoeira do Sul
sexta-feira, 16 abril, 2021 - 16:51
Cachoeira do Sul e Região em tempo real

Grêmio volta a vencer e confirma classificação

Crédito: Lucas Uebel

A noite desta terça-feira (16) foi para o Grêmio confirmar a vaga na próxima fase da Libertadores. Com a grande vantagem construída no jogo de ida, o Tricolor viajou a Quito, no Equador com uma equipe recheada de atletas vindos da base. Jogando na altitude, a equipe gremista conseguiu levar a melhor e vencer o time peruano pelo placar de 2 a 1, com gols de Ferreira e Ricardinho, carimbando a vaga para a próxima fase da Conmebol Libertadores. No placar agregado, vitória por 8 a 2.

Em campo, o então técnico nesta noite, Alexandre Mendes, escalou Brenno, Vanderson, Rodrigues, Ruan, Cortez, Lucas Araújo, Darlan, Thaciano, Guilherme Azevedo, Ferreira e Ricardinho.

Os instantes iniciais da partida foram equilibrados, com as equipes estudando o jogo. A primeira finalização foi adversária, aos 8 minutos, quando Carranza arriscou de longa distância, mas Brenno fez a defesa com tranquilidade.

O Grêmio tentou responder aos 10’ com Lucas Araújo acionado na esquerda. O atacante partiu para o ataque, mas Delgado conseguiu cortar e impedir a sequência do lance. Quatro minutos depois, Vanderson recebeu na direita e arriscou, mas mandou pra fora, sem perigo.

Marcando bem e mantendo um pouco mais de posse de bola, o Grêmio seguiu tramando jogadas. Outra oportunidade no ataque saiu aos 21’, dos pés de Cortez, que foi até a linha de fundo e fez um cruzamento na segunda trave para Thaciano, mas o goleiro afastou. Respondendo, o Ayacucho chegou com Carranza, que mais uma vez chutou de fora da área, mandando pela linha de fundo.

Aos 26 minutos, depois de uma troca de passes rápida, a bola sobrou para Guilherme Azevedo na meia-lua da grande área. O atacante dominou e chutou, mas Espinoza defendeu. Do outro lado, a melhor chance do Ayacucho saiu dos pés de Ardiles, que chutou de fora da área e mandou com perigo. A bola bateu na rede, pelo lado de fora.

Por duas vezes, o Tricolor chegou com qualidade, com Ferreira. Primeiro, ele invadiu a área e chutou forte. O goleiro defendeu e Quina afastou o rebote. Em seguida, o atacante mandou pela linha de fundo, com 28’ jogados.

Já aos 33’, Thaciano partiu para a área, passou pela marcação e rolou de calcanhar para Ferreira, que chegou, chutou, mas a bola saiu. Três minutos depois, o Tricolor teve um escanteio a seu favor. No primeiro, Vanderson colocou na área, mas a zaga tirou. No segundo, a bola foi colocada na área, mas ninguém conseguiu completar.

Aos 39’, o Ayacucho conseguiu abrir a contagem depois de um bate rebate na área. Leandro Sosa conseguiu finalizar forte e vencer a defesa gremista. Mas não demorou para o Tricolor dar a resposta e deixar tudo igual. Ferreira foi acionado na esquerda, cortou a marcação e mandou de perna direita em diagonal para o fundo das redes, no canto esquerdo de Espinoza, aos 40 minutos.

Na reta final, a equipe gremista seguiu buscando a virada. No lance, Guilherme Azevedo cortou a marcação e chutou. A bola acabou rebatendo e voltando para o jogador, mas a arbitragem assinalou mão do atacante.

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação.

Os adversários buscaram atacar nos primeiros instantes da etapa complementar, mas a defesa tricolor estava bem postada e cortou as investidas peruanas. Aos 7 minutos, Mendietta ganhou da marcação e finalizou a gol, mas Brenno defendeu com segurança. Logo na sequência, o Ayacucho teve uma boa falta a seu favor, da intermediária, pelo meio. Ardiles bateu, mandando à direita da meta gremista, com perigo.

Já aos 13 minutos, o Grêmio teve uma boa falta da esquerda. Ricardinho cobrou direto, mas Espinoza defendeu com tranquilidade.

O técnico Alexandre Mendes fez suas primeiras duas alterações passados 17 minutos. Tirou Lucas Araújo e Thaciano para colocar Fernando Henrique e Pedro Lucas, respectivamente.

O Grêmio chegou novamente pela esquerda. Ferreira recebeu na área, mas fez uma inversão para Guilherme Azevedo, que cortou a marcação e chutou. A bola saiu pela lateral. Respondendo ao ataque, Mendietta arriscou de longe. Brenno defendeu.

Outra chance do time peruano saiu em cobrança de falta, aos 24’. Quina chutou, Brenno voou para defender, dando um tapa e mandando por sobre a meta. Escanteio. Ardiles tentou o desvio de cabeça, mas a zaga afastou.

Passados 30 minutos, foi a vez de Ricardinho chutar bem de fora da área, mas Espinoza defendeu em dois tempos.

A terceira alteração na equipe foi providenciada: Saiu Guilherme Azevedo, entrou Léo Chú.

Na reta final, aos 41’, o Grêmio ampliou o marcador com Ricardinho. Ruan fez um cruzamento na medida para o centroavante, que recebeu e deslocou o goleiro, mandando para o fundo do gol e assinalando o segundo gremista.

As últimas substituições foram feitas: Saíram Ricardinho e Darlan, para a entrada de Léo Pereira e Jhonata Varela.

Final de jogo: Ayacucho 1×2 Grêmio. Com o resultado, o Grêmio segue para a próxima fase da Libertadores. Encara o Independiente Del Valle, que venceu o União Espanhola e seguirá na competição. As partidas ainda terão datas a definir.

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região