Grêmio e América-MG empatam em 1 a 1, na Arena

Por 24 de julho de 2021

O Grêmio entrou em campo na tarde deste sábado para enfrentar o América-MG, em jogo válido pela 13ª rodada do Brasileirão. Com gol de Guilherme Guedes, o Tricolor empatou com o time mineiro em 1 a 1.

O jogo começou movimentado e com o Grêmio no ataque, mas já com um desfalque. Aos 3 minutos, Alisson deu um passe para Diego Souza, que recebeu e tentou dar sequência no lance, mas o centroavante sentiu a coxa e precisou ser substituído por Ricardinho já no início da partida.

O Tricolor conseguiu ser efetivo logo no início da primeira etapa. Após um contra-ataque rápido, Vanderson cruzou na área, Ruan deixou passar e a bola sobrou para Guilherme Guedes, que chutou para o fundo das redes, aos 6 minutos.

Já o América buscou responder com um lance de Chrigor, que recebeu um cruzamento e tentou desviar de cabeça, mandando pra fora. Outra chance adversária saiu novamente do atacante, que mandou de cabeça por sobre o gol.

Os gremistas ameaçaram aos 21’, com um lance de contra-ataque. Vanderson acionou Alisson, que sozinho chutou a gol, mas o goleiro do time mineiro defendeu bem. Do outro lado, a resposta veio cinco minutos depois. Juninho arriscou de longe, a bola tentou enganar Chapecó, quicando no gramado, mas ele conseguiu defender, espalmando.

Mas aos 30 minutos, o América conseguiu chegar ao gol de empate. Depois de um bate-rebate na entrada da área, a bola sobrou para Felipe Azevedo, que chutou no canto direito da meta gremista, deixando tudo igual na Arena.

Com 37’ jogados, o Grêmio tentou voltar a frente no marcador com um lance de Douglas Costa, em que ele fez um lançamento para Ricardinho, mas a defesa cortou, cedendo escanteio. Na cobrança, Alisson colocou na área, mas a zaga mais uma vez afastou.

Na reta final, aos 43’, Douglas Costa fez um lançamento para Guilherme Guedes, que rolou para Alisson na área. O atacante chutou de primeira, mas a bola acabou explodindo no travessão. Em seguida, foi a vez de Ricardinho receber na entrada da área e finalizar, obrigando uma grande defesa de Matheus Cavichioli.

O Grêmio voltou com a mesma formação para a etapa complementar.

A primeira finalização foi adversária, quando Fabrício Daniel arriscou de longe, mas nas mãos de Chapecó, que defendeu com tranquilidade no minuto inicial.

Aos 11 minutos, o Grêmio chegou bem com Alisson, que fez uma jogada de contra-ataque, chegando na área, mas acabou desarmado.

Duas alterações foram providenciadas aos 16’: Jean Pyerre e Darlan entraram nos lugares de Douglas Costa e Bobsin.

O América-MG teve uma falta a seu favor, aos 18, da intermediária, pelo meio, mas na cobrança ensaiada, a bola explodiu na marcação gremista.

Com 21’ jogados, o Tricolor chegou bem com um lançamento buscando Guilherme Guedes. O lateral recebeu e fez um cruzamento na medida para Ricardinho, que de primeira, chutou, mas pra fora, perdendo a chance de voltar a frente no marcador.

Mais duas mudanças foram feitas por Felipão: Diogo Barbosa e Rafinha ocuparam as posições de Guilherme Guedes e Vanderson, aos 25 minutos.

Passados 28’, o Grêmio teve uma falta a seu favor. Alisson colocou a bola na área, houve o desvio, mas a defesa do América-MG levou a melhor e afastou. Já quatro minutos depois, uma boa trama entre Ricardinho e Alisson. O atacante recebeu e chutou cruzado, mas o goleiro fez grande defesa.

Na reta final, Darlan arriscou de longe, mandando com perigo, mas à esquerda da meta defendida por Matheus. E nos acréscimos, Ricardinho ficou cara a cara com o goleiro mineiro, que conseguiu levar a melhor e defender antes do centroavante completar o drible.

Com o resultado, Grêmio soma um ponto no Brasileiro, chegando a 7.