19 C
Cachoeira do Sul
sexta-feira, 16 abril, 2021 - 23:09
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • POLÍCIA
  • Golpe do WhatsApp clonado faz vítimas em Cachoeira do Sul

Golpe do WhatsApp clonado faz vítimas em Cachoeira do Sul

Cachoeirenses denunciaram no decorrer desta quarta-feira (24) que tiveram o WhatsApp clonado. Com isso, contatos das vítimas passaram a receber pedidos de depósitos bancários. Os alvos dos ataques em Cachoeira do Sul ficam sabendo do golpe apenas depois que são avisados por amigos e familiares que estranharam a solicitação pelo aplicativos de mensagem e decidiram ligar direto para conferir se a história era verdadeira.

A reportagem do Portal OCorreio recebeu a cópia de uma das conversas. Confira:

Crédito: OC/Reprodução

Como funciona o golpe?

Após a clonagem, o golpista passa a enviar mensagens para os contatos da vitima pedindo dinheiro no nome dela. Na maioria das vezes, o infrator pede dinheiro para parentes e conhecidos, simulando alguma necessidade urgente.

Segundo especialistas, os golpes usando o aplicativo de conversa explodiram nesse momento de pandemia de Covid-19. Caso tenha sido vítima deste golpe, a orientação é entrar em contato com support@whatsapp.com e pedir a desativação temporária da conta.

Consequências dos golpes

Entre os principais golpes realizados por WhatsApp está ainda o envio de mensagens com links fraudulentos, seja para encaminhar até uma página falsa de um fornecedor, seja para enganar o consumidor para que este forneça o código de acesso ao aplicativo, oportunidade em que o golpista sequestra todos os dados. A principal consequência é o prejuízo financeiro causado ao consumidor. No primeiro caso por comprar um produto ou serviço em uma página falsa criada por um criminoso que não realizará a entrega. Já no segundo, por ser vítima de extorsão para recuperar o acesso ao aplicativo.

Ainda no caso de obter o acesso ao aplicativo do consumidor, o golpista encaminha a todos os contatos novos links fraudulentos com o objetivo de aumentar o número de vítimas.

Dicas para evitar golpes:

  • Não forneça dados, senhas, códigos etc
  • Não acredite em ofertas de ajuda, sorteio, dinheiro etc. enviadas pelo WhatsApp, redes sociais, e-mails e não clique nesses links
  • Não confie e não compartilhe links e informações dos quais não tenha certeza da origem
  • Não preencha formulários que não estejam nos sites oficiais
  • Baixe aplicativos apenas das lojas oficiais
  • Em caso de dúvidas ou dificuldades, procure um familiar ou amigo que possa ajudar
  • Utilize antivírus no computador, tablet e smartphone

O que fazer se sua conta for clonada?

Os usuários que suspeitam que sua conta do WhatsApp foi invadida devem:

  • acessar o WhatsApp com o número do telefone e verificá-lo, inserindo o código recebido via SMS. Isso fará o logoff de outros aparelhos e devolverá ao proprietário o controle real da conta
  • falar com seus contatos por outros canais, informando-os sobre a suspeita e pedir que ignorem as mensagens que possam ser enviadas até que se resolva o problema
  • parar imediatamente de interagir com a pessoa e denunciá-la às autoridades locais se perceberem que estão lidando com uma fraude

*colaborou Robson Vargas (Fan FM 96.5)

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região