Feliz Páscoa… ontem, hoje e sempre!

Por 18 de abril de 2022

Nunca é demais lembrar que somos nós próprios quem criamos a realidade que vivemos, seja alegre ou triste, ou as duas coisas intercaladas, nós escolhemos como será o nosso destino pelo livre-arbítrio que temos sobre tudo o que nos diz respeito.

Foi a isso que se referiu Jesus Cristo ao afirmar “Dá e receberá” ou, ainda, “A semeadura é livre, mas a colheita é obrigatória”… quer dizer: tudo o que recebemos da vida é dado antes por nós. Nada mais justo, não é mesmo?

E como é que damos o que recebemos? Através de cada um dos nossos pensamentos, sentimentos, palavras e atos. E recebemos por meio das situações, das pessoas, dos fatos e das coisas que chegam a nós, ou seja, por tudo o que nos acontece.

Se quisermos que mude pra melhor a realidade que vivemos, criada em nós mesmos, podemos nos inspirar no verdadeiro espírito cristão da Páscoa que se traduz no renascimento, na ação real de uma vida nova, repleta de amor e de paz, que não tenha sido simplesmente uma prática exercida por convenção no último domingo, mas que ali tenha despertado mais e mais forte para se fazer brilhar a cada dia na nossa vida. Sempre… agora inclusive.

Dessa forma irá renascer em nós aquele natural e verdadeiro ímpeto que trazemos de ser mais felizes do que somos em todos os aspectos, dando o máximo e real valor à vida divina de que somos dotados. Feliz Páscoa para todos nós… ontem, hoje e sempre!

 

O melhor de tudo é que a gente tem opção. A começar por concordar ou não com as afirmações acima.

Ótima semana, queridos leitores e leitoras!

Cleo Boa Nova é publicitário, palestrante, escritor, músico e comunicador, autor dos livros “A Nossa Vida é a Gente Quem Cria. Senão Não Seria a Nossa Vida.” e “Viva Feliz o Dia de Hoje. Viva!” e autor-intérprete do CD “Paz e Alegria de Viver”.