Doses de reforço estão disponíveis para público a partir de 55 anos nesta terça

Por 22 de novembro de 2021

A Secretaria Municipal da Saúde reduz de 60 para 55 anos a idade mínima para o recebimento das doses de reforço contra a Covid-19 a partir desta terça-feira. O anúncio foi feito nesta segunda-feira pelo secretário Marcelo Figueiró, após avaliação do estoque de vacinas e análise com a área técnica do Setor de Epidemiologia. “É sempre importante avançarmos etapas pelo reforço da imunização. Quanto menos habitantes em contato com a doença, mais dificuldade oferecemos para a mobilidade do vírus em nossa cidade”, pondera o titular da Saúde. Para receber a terceira dose, o usuário do SUS, além da idade anunciada, precisa ter completado o prazo de cinco meses da segunda dose.

Embora o Ministério da Saúde tenha anunciado no último dia 16 doses de reforço para todo o público adulto maior de 18 anos, no município a administração pública aguarda orientação oficial da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) para dar início à operacionalização, o que deverá ocorrer gradativamente, assim que os repasses forem possibilitando o atendimento da demanda. Neste momento, a imunização contra o coronavírus está sendo desenvolvida nas nove unidades de saúde da rede pública em primeira dose (adolescentes a partir de 12 anos e adultos 18 anos em diante), segunda dose e dose de reforço (55 anos ou mais, trabalhadores da saúde e imunossuprimido).

Texto: Viviane Souza/Imprensa SMS