25.4 C
Cachoeira do Sul
domingo, 7 março, 2021 - 14:56
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • ECONOMIA
  • Confira se você poderá ter direito ao novo Auxílio Emergencial

Confira se você poderá ter direito ao novo Auxílio Emergencial

O Governo Federal liberou uma forma de realizar a consulta do valor de Auxílio Emergencial apenas analisando os dados do CPF fornecidos pela Dataprev. Outro ponto positivo é que lançaram uma cartilha recheada de informações para que se saiba como verificar a situação. Para acessar as informações, é necessário ter em mãos CPF, nome completo, data de nascimento e nome da mãe do beneficiário.

Embora o valor exato não tenha sido ainda divulgado, a expectativa é que seja entre R$ 200 e R$ 300 por parcela durante três meses.

A consulta pode ser feita AQUI

Na plataforma, também é possível descobrir quais são as suas condições de elegibilidade para receber a nova leva, mostrando quais são os motivos de haver sido recusado – caso isso ocorra. A consulta pode ser realizada através do celular ou computador.

Quais serão os valores por CPF?

A nova emenda na constituição deve permitir o corte de 25% do salário dos servidores públicos, podendo usar uma redução no PIB de 1,4%, mas o objetivo é limitar os gastos e a PEC pode auxiliar neste caso.

No ano passado, houve necessidade de solicitação do benefício através do site da Caixa para quem fosse não era inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal, e não fazia parte do Bolsa Família. Dessa vez, porém, não haverá esse procedimento.

Os dados dos beneficiários serão retirados do banco de dados já produzido pelo Ministério da Cidadania. A seleção ocorrerá com base nos critérios de renda.

Ao contrário do ano passado, em que mulheres solteiras chefes de família recebiam o valor do benefício em dobro, neste ano todos receberão o mesmo valor – que será reduzido, inclusive.

Ficam de fora das novas parcelas

  • Quem recebe pensão
  • Aposentadoria
  • Benefício assistencial
  • Seguro desemprego
  • Tem vínculo empregatício ativo

A seleção fará com que, dos 68 milhões que receberam o auxílio em 2020, 40 milhões recebam o benefício em 2021.

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região