Carga de soja encobria 24,7 toneladas de maconha

Por 2 de julho de 2021

Uma das maiores apreensões de drogas já registradas em Santa Catarina ocorreu durante uma operação conjunta entre Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Federal (PF). A ação contou com apoio da Polícia Militar (PMSC) na BR-282, em Rancho Queimado. Uma carreta bitrem foi interceptada com mais de 24,7 toneladas de maconha. A droga – avaliada em R$ 24 milhões – estava escondida sob uma carga de grãos de soja de um caminhão Scania, com placas de Abelardo Luz (SC).

Os fardos com entorpecentes foram marcados com figuras diferentes, o que indica pertencerem a grupos criminosos distintos ou a locais de entrega pré-definidos.

Apenas para a contagem do peso do entorpecente, a Polícia levou mais de 7 horas.

A carga de maconha vinha de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul, e seria descarregada em Palhoça (SC) para posterior distribuição. O motorista, um catarinense de 32 anos, foi preso por narcotráfico. Já a soja tinha nota fiscal destinada a São Francisco do Sul.

As investigações terão prosseguimento pela Polícia Federal com o objetivo de identificar mais envolvidos.