18.6 C
Cachoeira do Sul
sexta-feira, 4 dezembro, 2020 - 03:12
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • DESTAQUES
  • Caminhoneiros não descartam greve. Segunda vão se reunir com o governo

Caminhoneiros não descartam greve. Segunda vão se reunir com o governo

 

Caminhoneiros pressionam o governo. Foto: Divulgação

 

A  Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) divulgou nota nesta quinta-feira (18) para desmentir paralisação geral para o próximo dia 29, mas advertiu que isto poderá acontecer. A categoria está insatisfeita com o aumento do diesel e com as medidas anunciadas pelo governo em seu favor. A categoria quer debater o preço do frete, a questão do preço do diese e exigem rodovias em condições. Um pronunciamento definitivo deverá sair depois do encontro que as lideranças agendaram para segunda-feira (22) com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. O governo diz que está preparado para agir, mas negociará com os caminheiros autônomos até onde for possível.

ATENCÃO

O governo federal anunciou na terça-feira (16) uma linha de crédito de até R$ 30 mil, via Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para caminhoneiros autônomos. Também anunciou o investimento de R$ 2 bilhões em rodoviais.

O anúncio foi feito no Palácio do Planalto pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

“O governo anuncia neste momento uma linha de crédito específica para caminhoneiros autônomos de até R$ 30 mil para compra de pneus e manutenção dos veículos”, afirmou Onyx.

De acordo com o ministro, serão liberados R$ 500 milhões na linha de crédito, que poderá ser acessada pelos caminhoneiros primeiro nos bancos públicos, Banco do Brasil e Caixa, e depois nos “demais bancos e cooperativas de crédito de todo o Brasil.”

Além disso, segundo Onyx, poderão tomar o empréstimo apenas caminhoneiros autônomos que tenham até dois caminhões por CPF.

 

 

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região