Caminhões são parados por duas horas no protesto do Castagnino

Por 8 de setembro de 2021

Protesto na BR-153: movimento dos caminhoneiros permanece na Várzea do Castagnino nesta terça-feira / Foto: Divulgação

 

Veículos de carga são parados por duas horas nesta quarta-feira (8) na BR-153, no trecho da Várzea do Castagnino, em Cachoeira do Sul, onde um protesto de caminhoneiros acontece desde esta terça-feira (7). Após permanecerem parados, os caminhões são liberados para seguirem viagem.

Os protestos fazem parte das manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro, que ocorreram em todo o país no feriado de 7 de setembro. Líderes do movimento esclarecem que as paralisações em rodovias não são uma pauta dos caminhoneiros, mas uma contribuição da categoria para “consertar o país”. Além de Cachoeira do Sul, há protestos semelhantes em outros pontos do Estado, como na ERS-040, em Viamão, e na BR-386, em Nova Santa Rita.

Em todos os trechos onde acontecem essas manifestações, as coordenações aguardam orientação de lideranças nacionais que encontram-se em Brasília para deliberar se prosseguem ou se encerram o movimento, que por enquanto não tem previsão de ser encerrado.