Câmara aprova por unanimidade criação da semana de combate à AIDS/HIV

Por 12 de julho de 2021

A Câmara de Vereadores de Cachoeira do Sul aprovou em sessão plenária desta segunda-feira por unanimidade, o Projeto de Lei 45/2021 que cria oficialmente a semana de combate a AIDS/HIV, de autoria do vereador Magaiver Dias (PSDB). Segundo o projeto, fica determinada a primeira semana do mês de dezembro, coincidindo com o Dia Mundial de Combate a AIDS, celebrado em 1º de dezembro, a semana da prevenção à doença no município.

“Este é o primeiro projeto de lei que aprovamos durante o nosso mandato, e tem um significado muito importante para mim, é uma sugestão de um amigo muito próximo que foi acometido por essa doença. Atualmente Cachoeira do Sul possui 592 pacientes soro positivos, no ano de 2020, foram registrados cinco óbitos em virtude da doença, em 2021, já foram quatro óbitos. Vamos conscientizar a população, da importância de usar os métodos preventivos à doença e auxiliar aos contaminados” – vereador Magaiver Dias

Ações de prevenção

Durante a semana de prevenção À AIDS/HIV serão realizadas ações de prevenção, alertas, incentivo à testagem, adesão às intervenções biomédicas, vinculação e retenção nos serviços de saúde, redução de danos para as pessoas que usam álcool e outras drogas, além da conscientização da sociedade em relação a doença.

“Segundo informações recebidas durante a elaboração do projeto, os casos de AIDS/HIV aumentam cerca de 20 a 21% ao ano em Cachoeira do Sul. Muitas pessoas contaminadas morrem por não realizar o tratamento ou por negar a doença, por isso a criação da semana preventiva é essencial para auxiliar também as pessoas já contaminadas com a doença. Neste período de pandemia de Covid-19, vale lembrar que a AIDS/HIV também matam” – vereador Magaiver Dias

O que é a AIDS?

AIDS é a sigla em inglês para Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. A doença, causada pelo vírus HIV, é caracterizada pelo enfraquecimento do sistema imunológico. A ação permite que os indivíduos fiquem mais vulneráveis a outras doenças, como um simples resfriado a infecções mais graves, como o câncer.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a AIDS não se transmite por meio de beijos, abraços e apertos de mão. Sexo desprotegido, seringa compartilhada e sangue infectado estão entre as principais formas de contágio da doença.

Qual a diferença entre AIDS e HIV?

Embora os termos HIV e AIDS, muitas vezes, sejam confundidos como sinônimos, vale ressaltar que ser portador do vírus HIV não é a mesma coisa que ter AIDS. HIV é o vírus causador da AIDS, organismo esse que destrói células específicas (linfócitos T-CD4 +) responsáveis por defender nosso corpo contra doenças.

Saiba mais

O quadro da AIDS é caracterizado pelo baixo número de linfócitos em nosso organismo. Existem diversos casos em que pessoas não desenvolvem a doença, no entanto, uma vez infectada, o paciente viverá com o HIV para sempre.