12.4 C
Cachoeira do Sul
sábado, 12 junho, 2021 - 19:41
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • DESTAQUES
  • Avaliação preliminar do IGP: falta de freios não foi causa do acidente com ônibus da TNSG

Avaliação preliminar do IGP: falta de freios não foi causa do acidente com ônibus da TNSG

 

 

Coletivo ficou atravessado na Avenida Marcelo Gama. Foto: Divulgação

 

Levantamento preliminar dos técnicos do Instituto Geral de Perícias (IGP), que estiveram nesta quarta-feira (5) em Cachoeira do Sul, apontou que não foi a falta de freios a causa do acidente de um ônibus da Transportes Nossa Senhora das Graças (TNSG), no dia 11 de dezembro de 2019, na Avenida Marcelo Gama, na zona norte da cidade. Num prazo de dez dias o IGP pretende revelar o resultado da perícia.

A avaliação foi realizada na presença de representantes da Polícia Civil, do Ministério Público e também de representantes da TNSG, conforme o engenheiro da empresa, José Artur Morisso.

Em entrevista ao programa Rádio Repórter, da Rádio Fandango, na manhã desta quinta-feira (6), o engenheiro disse que foi fornecido todo o suporte de equipamentos necessários, como carro socorro, para a realização do trabalho do IGP “Acompanhamos de perto a perícia e, inclusive, os questionamentos do Ministério Público aos técnicos, porque igualmente estamos ansiosos para termos a verdadeira causa do acidente”, informou, acrescentando que a empresa quer que a verdade venha à tona.

Morisso também revelou que foi constatado que o veículo continuava freado o que significa que a causa do acidente possa ter sido outra, entre eles, humana. “O sistema de freios, seguramente, não foi o causador do acidente”, salientou.

No dia do acidente, o ônibus caiu em um barranco no final da Rua dos Loretos, na zona norte da cidade, e ficou atravessado na Avenida Marcelo Gama, trecho urbano da BR-153.

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região