Arerê?

Por 26 de novembro de 2021

O Grêmio enfrentou o Bahia no início da noite deste sexta-feira, na Arena Fonte Nova, em Salvador, em jogo válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor acabou superado por 3 a 1, neste confronto direto.

O jogo iniciou muito disputado, com os donos da casa pressionando nos instantes iniciais. Logo aos 2’, Matheus fez um cruzamento na área, mas Ferreira conseguiu desviar pela linha de fundo. Rodriguinho cobrou, Gilberto ganhou da marcação, mas antes de finalizar Kannemann afastou.

Já aos 7 minutos, o Grêmio chegou ao campo de ataque com Alisson, conseguindo interceptar o lance adverversário, mas a bola acabou saindo pela linha de fundo. Em seguida, Borja tentou invadir a área, mas Conti conseguiu desarmar o centroavante.

Aos 11’, Ferreira cobrou um escanteio curto, Alisson recebeu de Ferreira, limpou a marcação e cruzou, mas a bola ficou na defesa. Mas aos 12′, o Bahia conseguiu abrir o placar com Matheus Bahia, que recebeu na esquerda e chutou cruzado, conseguindo ganhar de Chapecó e mandando para o fundo das redes.

O Grêmio tentou responder aos 16’, com Ferreira saindo em velocidade para a área, mas acabou dividindo com a marcação adversária.

Os baianos conseguiram ampliar o marcador aos 17’, depois de uma falha defensiva do Tricolor. Geromel acabou recuando mal para Chapecó e Raí levou a melhor, tirou do goleiro e mandou a gol.

O técnico Vagner Mancini promoveu sua primeira mudança na equipe: Campaz no lugar de Victor Bobsin, aos 22’.

Os donos da casa criaram novamente, novamente com Raí, que pegou a sobra e finalizou da meia direita, mandando por sobre o gol. Do outro lado, o Grêmio ameaçou em bola parada. Campaz cobrou um escanteio e Thiago Santos desviou, mas a bola foi para fora.

Passados 30’, o Tricolor tentou com uma jogada de Thiago Santos, que acionou Borja. O centroavante fez uma parede e chutou, mas em cima da marcação. Cinco minutos depois, Vanderson fez uma cobrança de lateral, mas a bola acabou batendo no rosto de Raí e aí o lateral acabou amarelado.

Aos 44 minutos, a melhor chance saiu dos pés de Alisson, que tabelou com Borja e chutou forte. Danilo Fernandes fez uma grande defesa, impedindo os gremistas de descontarem. Nos acréscimos, o Grêmio ainda teve uma falta a seu favor. Campaz cobrou, a bola passou por todos, mas saiu pela linha de fundo.

O Tricolor voltou a campo com uma mudança para o segundo tempo: Rafinha no lugar de Vanderson. Com 2’ jogados, Douglas Costa fez um lançamento para Borja, que invadiu a área e rolou para Rafinha, mas a defesa corta. Logo em seguida, o camisa 10 cobrou um escanteio, colocando na pequena área, mas Danilo Fernandes defendeu.

Aos 6 minutos, o Grêmio quase descontou, com uma jogada de Douglas, acionando Rafinha. O lateral cruzou para a pequena área, para Borja, que chutou no meio do gol, mas o goleiro adversário fez a defesa. Quatro minutos depois, Campaz acionou Borja, que mandou de cabeça, mas sem direção e Danilo defendeu.

O Bahia chegou com Rossi, logo em seguida. O atacante pegou a sobra e chutou por cima do gol de Gabriel Grando. Em nova jogada, Gilberto se livrou da marcação de Kannemann e finalizou do cruzado.

Foi aos 15 minutos, que o Grêmio conseguiu descontar o marcador após cobrança de escanteio. A bola chegou a Rafinha, que chutou forte e a bola morreu no fundo das redes.

Os donos da casa tentaram responder com 21’, quando Nino cobrou uma falta, a bola viajou até Conti, que finalizou, mas Chapecó defendeu. Raí conseguiu marcar o terceiro gol, mas a jogada foi anulada com um impedimento claro do jogador.

Mais duas alterações foram feitas: Jean Pyerre e Diego Souza entraram nos lugares de Villasanti e Kannemann, aos 28’.

O Bahia conseguiu marcar o terceiro com Daniel, aos 39’ – ele recebeu na esquerda, dominou e chutou, mandando para o fundo do gol.

O Tricolor não desistiu de buscar encostar no placar, mas não conseguiu. Com o resultado, Grêmio não soma pontos na rodada e aumenta o risco de ter seu terceiro rebaixamento na competição. Ao fim da partida, a torcida do Bahia começou a cantar “Arerêêê! O Grêmio vai jogar a Série B!”.