Agroindústria cachoeirense recebe o Selo Sabor Gaúcho da Emater

Por 17 de junho de 2022

Entrega do Selo Sabor Gaúcho foi conferida pelo presidente da Emater, Edmilson Pelizari, e pelo governador Ranolfo Vieira Júnior / Foto: Divulgação

 

A Agroindústria Delícias do Sítio, de Cachoeira do Sul, recebeu nesta quinta-feira (16), durante a 22ª Fenarroz, o Selo Sabor Gaúcho, da Emater/RS. O reconhecimento foi conferido pelo presidente da instituição, Edmilson Pelizari, e pelo governador do Rio Grande do Sul, Ranolfo Vieira Júnior, que participaram da abertura oficial da feira. A entrega do Selo Sabor Gaúcho aconteceu no espaço da feira destinado à agricultura familiar.

Localizada no Rincão da Guajuvira, no interior do município, a Agroindústria Delícias do Sítio trabalha com panificados, como cucas, pães, biscoitos, merengues, entre outros produtos do gênero. Para a proprietária da Agroindústria Delícias do Sítio, agricultora Daiane Bittencourt Nunes Carneiro, o Selo Sabor Gaúcho da Emater é a coroação de muito trabalho e superação de desafios no mundo no empreendedorismo.

“Antes de abrir a agroindústria, eu trabalhava com cultivo de hortaliças e, infelizmente, quebrei. Passei então a trabalhar informalmente com panificados e vi aí uma boa oportunidade de recomeço. Foi um caminho cheio de desafios até conseguir me realizar, mas felizmente deu tudo certo. Acho que o Selo é a coroação de todo um esforço que fizemos para fazermos a agroindústria acontecer”, comemora Daiane.

Esta é a oitava agroindústria familiar legalizada em Cachoeira do Sul nos últimos anos e através do Programa Estadual de Agroindústria Familiar Familiar (Peaf). A família poderá comercializar seus produtos com vendas diretas na Feira Livre Municipal, atuar como fornecedora para o comércio local, além de realizar vendas institucionais para quartéis e escolas.

Pela primeira vez na história da Fenarroz, uma agroindústria familiar foi inaugurada e recebeu o Selo Sabor Gaúcho durante a feira. A entrega do Selo Sabor Gaúcho teve ainda o prestígio de representes da Prefeitura, Câmara de Vereadores, Sindicato Rural, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Defesa Civil, Uergs, Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural, da diretoria da Fenarroz, entre outras entidades.

Para o chefe do escritório da Emater de Cachoeira do Sul, engenheiro agrônomo Luciano Mazuim, a agroindústria familiar é uma das melhores alternativas para fixação doas famílias no interior com a possibilidade real de agregação de valor aos seus produtos, possibilitando a geração de emprego e renda e melhor qualidade de vida.