23.3 C
Cachoeira do Sul
segunda-feira, 18 janeiro, 2021 - 20:07
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • ECONOMIA
  • Caixa começa a pagar Bolsa Família em poupança digital a partir de dezembro

Caixa começa a pagar Bolsa Família em poupança digital a partir de dezembro

 

Mais de 9 milhões de pessoas que ainda não possuem nenhuma conta bancária poderão receber o benefício – Foto: Agência Brasil

Integrantes do programa Bolsa Família passarão a receber, a partir deste mês, o benefício por meio de contas de Poupança Social digital, que têm sido usadas para realizar os pagamentos do auxílio emergencial e do saque emergencial do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

De acordo com a Caixa Econômica Federal, mais de 9 milhões de pessoas que ainda não possuem nenhuma conta bancária poderão receber o benefício por meio de crédito na conta digital, sacar com o cartão Bolsa Família e movimentar os valores pelo aplicativo Caixa Tem.

Assim, o cidadão passa a ter conta bancária sem obrigatoriedade de saque integral das parcelas. “Além de movimentar o benefício pelo app, os beneficiários poderão continuar sacando os recursos por meio do cartão Bolsa Família ou cartão Cidadão”, informou o banco, em nota.

Segundo a Caixa Econômica, os primeiros a receber os recursos com os serviços da conta Poupança Social digital serão os beneficiários de NIS com final 9 e 0, seguindo a data de crédito regular do programa, que acontece sempre nos últimos 10 dias úteis de cada mês.

Nesta primeira etapa, que ocorrerá em dezembro, cerca de 1,5 milhão de pessoas receberão os valores pelo Caixa Tem. Mês a mês, de acordo com o último digito no NIS, os beneficiários passarão a receber o benefício do Bolsa Família com os serviços da Poupança Social digital:

  • Dezembro: 1,5 milhão de beneficiários com NIS finais 0 e 9
  • Janeiro: 2,25 milhões de beneficiários com NIS finais 6, 7 e 8
  • Fevereiro: 2,25 milhões de beneficiários com NIS finais 3, 4 e 5
  • Março: 3 milhões de beneficiários com NIS finais 1 e 2, e grupos populacionais tradicionais específicos (indígenas, quilombolas, ribeirinhos, extrativistas, pescadores artesanais, comunidades tradicionais, agricultores familiares, assentados, acampados e pessoas em situação de rua)

 

Portal OCorreio
Portal de notícias de Cachoeira do Sul e Região