12.4 C
Cachoeira do Sul
domingo, 5 julho, 2020 - 09:58
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • DESTAQUES
  • Servidor da Prefeitura estava envolvido no abigeato no Jacuí

Servidor da Prefeitura estava envolvido no abigeato no Jacuí

Fiat Marea seria usado para transportar a carne que estava sendo retirada do barco durante a abordagem / Fotos: Brigada Militar/Divulgação

Um dos detidos na ocorrência de abigeato descoberto pela Brigada Militar na madrugada desta quinta-feira (28) é um servidor público da Prefeitura de Cachoeira do Sul. O homem estava na companhia de outro suspeito num barco cheio de carne que chegou pelo Rio Jacuí ao Bairro Cristo Rei.

A Patrulha Comunitária do Interior recebeu ainda entre a noite e a madrugada a informação de que dois homens haviam descido pelo Rio Jacuí numa canoa para possivelmente cometer abigeato. Os policiais então deram início a averiguações em possíveis rotas de retorno.

No final da Rua Esperanto, junto ao Rio Jacuí, os PMs localizaram os dois homens numa embarcação a motor. Eles retiravam do barco 160 quilos de carne bovina para colocar num Fiat Marea placas IIH-8E91. Também foram apreendidos com eles uma espingarda calibre 16 transformada em 12, munições, uma faca, uma chaira e duas lanternas. Segundo a BM, a carne ainda estava quente, o que evidencia que o animal havia sido carneado pouco tempo antes da abordagem.

Um dos suspeitos confessou que abateu o bovino a tiro para então fazer a retirada da carne do animal. A dupla não revelou em qual propriedade foram feitos o abate e a carneação. Os PMs também fizeram buscas e contatos com produtores rurais em busca de informações sobre a identificação do produtor rural dono do animal abatido, sem sucesso.

Diante disso, os dois suspeitos não puderam ser presos em flagrante. Mesmo assim, eles foram conduzidos pela PCI à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento para registro de ocorrência de abigeato. Eles foram liberados, mas vão responder criminalmente e devem ser intimados posteriormente para serem ouvidos em inquérito policial.

A arma, as munições, os equipamentos e o barco a motor foram apreendidos. O Fiat Marea foi recolhido ao depósito Puma Guinchos, credenciado junto ao Detran em Cachoeira. A carne foi doada ao zoológico municipal.

Carne fria foi apreendida pela BM e recolhida ao zoológico municipal Foto: BM/Divulgação

 

Advertisement