12.7 C
Cachoeira do Sul
sábado, 6 junho, 2020 - 22:55
Cachoeira do Sul e Região em tempo real
  • Inicio
  • POLÍCIA
  • Ações da Polícia Civil acontecem todo RS no cumprimento de decretos

Ações da Polícia Civil acontecem todo RS no cumprimento de decretos


 

 

 

 

Atuação da Polícia Civil tem sido tanto na capital como no interior. Foto: Divulgação

 

Preços abusivos, estabelecimentos em desacordo com medidas de prevenção e aglomerações de pessoas têm sido, tanto quanto a criminalidade, um dos principais focos de atuação da Polícia Civil nas últimas semanas em todo o Estado. A Instituição atua dentro das diretrizes estabelecidas em decretos federal, estadual e municipal que preveem uma série de normas para combater o avanço do Coronavírus.

A atuação da Polícia Civil tem sido tanto na capital, região metropolitana como no interior. Em Passo Fundo, por exemplo, uma farmácia foi autuada pelo preço do álcool em gel, que estava 200% mais caro do que em qualquer outro estabelecimento da cidade. Após a ação, o preço de R$ 23,00, reduziu para R$ 14,00. Já em Piratini, também no interior, agentes efetuaram, no dia 27, a prisão domiciliar de um homem que testou positivo para o Covid-19, mas descumpria medida sanitária de isolamento social. A Polícia Civil chegou até o indivíduo, depois que outros moradores denunciaram o comportamento do homem. Ele sabia do diagnóstico e da orientação, mas circulava pelas ruas, farmácias e supermercados.

Cidades como Pelotas e São Lourenço do Sul, no Sul do Estado, não ficam para trás. As fiscalizações têm sido constantes, e o foco é conscientizar sobre a importância do isolamento social. Também em São Luiz Gonzaga, a Polícia Civil tem atuado de forma contundente, principalmente junto ao comércio. Só no dia 27, dos 16 estabelecimentos fiscalizados todos descumpriam ao menos uma norma de funcionamento daquelas estabelecidas no decreto estadual. Os proprietários foram orientados a seguirem as normas.

“Nossos policiais civis não param! Estão nas ruas, nos parques, nas praças, nos comércios e em qualquer outro lugar onde possam se formar aglomerações que facilitem a transmissão do vírus. Nesse momento, tão importante quanto combater a criminalidade que assola os gaúchos é conscientizar a população sobre o avanço da doença. Precisamos barrar essa pandemia”, afirmou a Chefe de Polícia, delegada Nadine Tagliari Farias Anflor.

 

Advertisement